Diário do bebê: 3º mês

assinatura_camilla

Quando me diziam que o tempo passa rápido e que você tem que aproveitar todas as fases do seu bebê eu não imaginava que seria mesmo verdade. Em pouquíssimo tempo Pedro ficou totalmente diferente, gordinho, esperto e cheio de novidades. Ele sorri quando acha engraçado alguma bobeira, tenta interagir mais com as pessoas e está ficando mais horas acordado, sem aquele ar de sonolência dos recém nascidos. Perdeu aquela carinha de neném e passou a ficar com jeitinho de bebê. Sabem? As ruguinhas deram espaço a gordas e gostosas dobrinhas! Muita fofura! Ele está com quase 7kg e 51cm. Uma bolinha fofa.

bolo_minions_mesversario

As temidas cólicas simplesmente diminuíram. Do mesmo jeito que começaram estão indo embora, sem explicação. O negócio estava tão complicado que cheguei a levá-lo a uma gastro pediatra, achando que ele tinha um problema grave. Quem vive as cólicas sabe o que estou falando: é desesperador e você não sabe o que fazer depois que esgota todas as possibilidades. E foi quando o levamos e a médica falou que ele não tinha absolutamente nada além das cólicas de neném. E é isso: ele ainda sente dorzinhas, mas não são nada perto das crises de choro que duravam horas! Espero que com o passar do tempo as coisas só melhorem. O marido de Thaís trouxe pra mim o tal “colic calm”, o famoso milagre americano pras cólicas. Já testei duas vezes e realmente faz efeito. A única coisa estranha é que as fezes saem com bolinhas pretas! É que o remédio é preto! Ufa, que susto quando vi! 😅

colic_calm_bomba_medela

Muuuuuuitas roupinhas que eu comprei nos EUA já estão pequenas! O gordinho já veste o tamanho 6 meses de lá! Ainda bem que comprei o suficiente, mas acho que ele vai usar tudo bem antes do esperado! Pedrinho tá mesmo crescendo… estou muiiiito feliz, mesmo depois de ouvir que meu leite era fraco, que ele não dormia por conta do leite fraco, enfim, vários absurdos! Ver meu filho saudável apenas com a amamentação me dá um super orgulho! Ponto pra gente! 🙂

As noites estão mais tranquilas, ele acorda duas ou no máximo três vezes para mamar e volta a dormir. Os cochilos diurnos são mais complicados, ele tem ficado mais acordado, mas mesmo assim não está tão difícil como no primeiro e segundo mês. Consigo passar o dia sem me sentir tão esgotada.

No mês de outubro enfrentamos nossas primeiras noites sozinhos. Meu marido precisou tirar plantões seguidos e eu dormi sozinha com o Pedro. O medo de capotar era tão grande que fiquei ligadíssima nele. O resultado disso foi uma bela dor na coluna e muito cansaço. Tiro o chapéu para as mães solteiras que enfrentam a criação de seus filhos sem nenhum auxílio. São guerreiras mesmo.

Eu mãe:

Cada dia mais feliz, apaixonada e segura. Vê-lo a cada dia é como tocar meus sonhos. Uma delícia olhar para ele e saber que é meu! Muito babona mesmo.

Eu mulher:

Um pouco atrapalhada. Não consegui organizar minha vida ainda. Mas consegui arrumar o cabelo, que há tanto tempo eu queria cortar. Quero tirar um tempo para cuidar de mim e sei que aos poucos vou conseguir, mas ainda me sinto muito ligada a ele e mal consigo sair pouco tempo sem ficar 100% ligada no meu filho. O marido de Thaís também trouxe uma bomba de leite elétrica da medela pra mim, e que maravilha esse negócio! Agora vou poder sair de casa pra resolver algo e deixar o leitinho dele. 🙂 A única coisa que tenho feito por mim é um tratamento bem legal na Modelatti para a flacidez da barriga no pós parto e em breve vou mostrar o resultado para vocês. Estou bem feliz com o que conseguimos em poucas sessões. É um mix de drenagem, corrente russa e radiofrequência. 🙂

No mais, apenas babando no desenvolvimento do meu bebê e agradecendo imensamente a Deus pela saúde e perfeição do meu filho.

Um beijo e até o quarto mês!

Se você gostou do post, compartilhe em suas redes sociais:

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


UA-36669984-1